Depois de anunciar para julho uma produção sobre Sandy & Jr. e estrear séries documentais sobre o assassinato de Marielle Franco e os crimes de João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus, o GloboPlay já tem definidos alguns de seus próximos projetos.

O primeiro deles é “Meu Amigo Bussunda”, minissérie documental sobre o humorista que fez fama no “Casseta & Planeta” e morreu precocemente, aos 43 anos, em 2006, devido a problemas do coração. O projeto terá direção de Micael Langer e Claudio Manoel, parceiro de trabalho no humorístico da Globo e no jornal que originou o grupo.

Serão quatro episódios, que reunirão cenas do programa, muito popular nos anos 90, e também depoimentos de familiares e amigos. O plano é estrear no ano que vem.

Outra série documental que já ganhou sinal verde da plataforma de streaming da Globo é sobre a dupla Sullivan & Massadas, responsável por grandes hits da música brasileira nas décadas de 80 e 90.

O projeto terá assinatura de André Barcinski e Pedro Bial, que também esteve envolvido em “Em Nome de Deus”, sobre João de Deus. A ideia é promover um reencontro entre Michael Sullivan e Paulo Massadas, que não têm mais relação profissional desde 1994, quando se separaram.

Os compositores, que já trabalharam com nomes como Fagner, Tim Maia e Elis Regina, são também responsáveis por muitos temas de novela e pela maior parte dos sucessos de Xuxa. Os dois chegaram a estar no “Guiness Book” pela quantidade de músicas emplacadas em paradas de sucesso.

Fefito \ Colunista do UOL

Imagem: Reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here