A polícia investiga se, pelo menos, seis apartamentos no bairro da Ponta Verde, em Maceió, foram roubados pela mesma pessoa nos últimos 15 dias. Só em um dos imóveis, foram levados quase R$ 10 mil em objetos.

Segundo a polícia, um homem vestindo bermuda e camiseta branca é apontado como suspeito dos arrombamentos. Ele foi visto, por meio do circuito interno de câmeras, entrando em um edifício, onde invadiu um apartamento, no sexto andar, e revirou os móveis.

Durante a ação, os quartos foram revirados e as roupas espalhadas pelo chão. No momento do arrombamento, não havia ninguém em casa. Depois que pegou os objetos, deixou o prédio após abrir a porta que dá acesso à parte interna do edifício.

O dono do apartamento, por sua vez, não quis se identificar e disse que o prejuízo foi de, aproximadamente, R$ 10 mil. “Levaram uma máquina fotográfica, um computador e um notebook seminovo, além de joias da minha esposa e algumas pratarias antigas. Muito triste nós chegarmos em casa, depois de um dia de trabalho, e encontrarmos o nosso apartamento violado e tudo revirado, uma bagunça total”, disse ele.

Jonys Macena, o zelador do prédio, estava no horário de descanso quando tudo aconteceu. “É a primeira vez que vejo acontecer esse tipo de coisa aqui”.

Rosane Lyra mora no local há 18 anos e ficou assustada com a situação. “Estamos à mercê de tudo o que não presta. A nossa casa é um bem inviolável. Vamos discutir o que podemos fazer para dificultar a entrada de pessoas estranhas. Estamos tomando uma série de providências”, afirmou a moradora.

Este foi apenas um dos prédios arrombados pela mesma pessoa. Segundo a polícia, nos últimos 15 dias, seis apartamentos foram alvos de furto. As autoridades, inclusive, receberam vários vídeos que mostram as ações.

O caso está sendo investigado pelo 2º Distrito Policial, na Jatiúca. “É uma onda de furtos ocorrendo aqui na região do 2º DP, principalmente, na Ponta Verde, Tanto pelas imagens quanto pelo modus operandi, há indícios de que seja a mesma pessoa. Este homem, inclusive, tem muito conhecimento de fechaduras; provavelmente, usa algum aparelho que permite acessar as fechaduras, já que elas não são arrombadas. Elas são abertas apenas”, explicou o delegado Ricardo Menezes.

A polícia pede que quem reconhecer o suspeito denuncie por meio do 181.

GAZETAWEB.COM

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here