Um suspeito morreu após ser baleado em um confronto com a polícia, durante operação deflagrada, na madrugada desta sexta-feira (16), no Vale do Reginaldo, que cumpriu uma série de mandados de prisão, busca e apreensão contra suspeitos de praticar homicídios no bairro. Pelo menos, cinco pessoas foram presas e encaminhadas para a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

“A operação teve saldo positivo. Cinco foram presos e houve uma resistência. As investigações da Delegacia de Homicídios começaram há um ano e, nessa operação, tivemos o apoio de militares e agentes da DEIC. Infelizmente, esses indivíduos não sabem fazer tráfico sem matar”, afirmou a delegada Rebeca Cordeiro, à rádio 98 FM.

O suspeito morto em confronto foi identificado como Anderson Carlos, de 19 anos. Ele fazia parte de uma quadrilha que pratica o crime de tráfico de drogas na região do Vale do Reginaldo.

“Esse rapaz que faleceu, eu já investiguei em um homicídio quando ele era menor, em 2015. Ele se tornou maior de idade, ainda matando, e, hoje, achou que poderia fazer o mesmo com a polícia”, disse a delegada.

Ao todo, 30 equipes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e da Divisão Especial de Investigação e Capturas (DEIC) atuaram na força-tarefa, bem como militares do 1º Batalhão.

GAZETAWEB.COM

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here